Crônica – Estes Tempos

Sou de um tempo em que se valorizava a experiência, o “tempo de casa”, pois assim se compreendia que um funcionário, dentro do contexto de uma empresa, e um cidadão no da sociedade, teria acumulado informação e sabedoria a ponto de se considerado melhor apto e de maior confiança. Uma época em que empresas e sociedade em geral valorizavam os antigos, dando a eles cargos de confiança ou simplesmente ouvidos.
Mas as coisas mudaram – elas sempre mudam e não vou ser ranzinza a ponto de me opor às mudanças -, mas nesse caso, no meu ponto de vista, não dá para acreditar numa sociedade que “valoriza” a inexperiência e os arroubos da juventude em detrimento dos mais velhos, que mal ou bem, ralaram muito até chegarem acima dos quarenta, cinquenta… Noventa.
Existe toda uma estrutura, um sistema podre alimentando isso, e em breve pessoas de vinte anos serão consideradas velhas para o mercado. Pense nisso, garoto/a!

19/12/2021

Barata, nascido Luiz Carlos, no dia do Anti-Natal do ano da Graça do nascimento de Bruce Dickinson, Madonna, Michael Jackson, Cazuza e Tim Burton, é poeta, romancista, ensaista e contista, além de produtor de eventos e artista plástico. Cresceu escutando Beatles, Black Sabbath, Rush e Pink Floyd. Participou da geração mimeógrafo nos anos 1970, mas quando chegaram os filhos deixou de ser poeta e foi tentar ser homem, o que no entender de Bukowski é bem mais difícil. Trabalhou como office-boy, bancário e projetista de brinquedos. Apesar de ter escrito milhares de textos nunca ganhou um prêmio literário. Foi apaixonado por Janis Joplin, Grace Slick  e Patti Smith; casou quatro vezes e Atualmente procura pagar as contas trabalhando com criação de sites, edição e diagramação de livros e arte digital.

DEPOIMENTO

(...) Melhor que isso, são suas expressas opiniões e escritos. Essas sim, vindas de uma pessoa equilibrada e culta como você. Desde que o conheci passei a admirar muito o que você escreve, muita ponderação e consciência. Continue assim amigo, e vamos em frente, tirar uma pedrinha a cada dia do nosso caminho. Abraços do amigo que muito te respeita e admira. - Facebook - 19/01/2017
Cristo Demétrio
São Paulo - SP
5 1 Vote
Article Rating
Assinar
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos os Comentários